Publicidade

sábado, 15 de janeiro de 2011

Curtas do Sábadão - Início dos Estaduais


- Acompanhei o jogo de estreia do Tricolor no Gaúcho. Equipe teve um 1º tempo tranquilo. Sofreu alguns sustos, porém dominou grande parta da primeira etapa. Tanto que abriu 2 a 0: primeiro com Rafael Marques, após cobrança de falta de Fábio Rochemback - jogada chave de 2010; e ampliou com Jonas, após boa jogada pela direita com Gabriel.

O jogo parecia ganho, mas o time gremista voltou apático do intervalo. Pensou justamente que não teria problemas para liquidar a partida. Porém, o Lajeadense continuou assustando, diminuiu com Rangel, em falha da defesa, e chegou ao empate no fim, com Ramos.

O Grêmio apresenta as mesmas falhas na defesa que tinha no ano passado. Vale lembrar que é apenas o primeiro jogo, mas precisa abrir o olho.

- No Paulistão, assisti o sofrível empate do Palmeiras com o Botafogo (SP). O torcedor palmeirense percebeu que ou o time se reforça pra valer, ou terá um ano sofrível.

O Botinha veio como esperado. Marcando forte, apostando em algum erro do Palmeiras para assustar. E assim quase abriu o placar com Dirceu, após bobeada da defesa. O alviverde errava muito e chegava sem maiores perigos ao gol de Júlio César. O segundo tempo foi a mesma coisa. E ficou no zero a zero.

A equipe palmeirense não tem ligação, erra muitos passes, peca na criatividade e não usa os laterais. Kléber sozinho não dá conta. E não apareceu nenhuma falta boa para Marcos Assunção. Ou seja: o Palmeiras é o mesmo de 2010, sem preparo físico. Por isso o torcedor saiu, com razão, na bronca do Pacaembu. Já o Botinha, se manter essa primeira impressão, chega entre os oito primeiros.

- Já o torcedor santista ficou mais otimista com seu time. Sem alguns titulares, como Elano, Ganso e Neymar, o Santos não tomou conhecimento do Linense, em Lins: 4 a 1. O time começou com tudo, abriu 3 a 0 logo na primeira etapa, e apenas administrou no segundo tempo.

Maikon Leite, já fechado com o Palmeiras após junho, fez dois gols e teve boa atuação. Zé Eduardo, outro que não deve permanecer, fez um, e Keirrison, de pênalti, outro. Fausto, que perdeu um pênalti, descontou no fim para o Linense.

- Outros jogos do Paulistão: O São Bernardo derrotou o Grêmio Prudente por 3 a 1 (gols de Eliomar Bombinha, Danielzinho e Reinaldo para o São Bernardo, Jandson descontou); e o Oeste venceu o São Caetano por 3 a 0, com três gols de Fábio Santos.

- No Catarinense, o Avaí perdeu em casa para a Chapecoense, por 2 a 1. O Criciúma não teve piedade do Concórdia e sapecou 6 a 1.

2 comentários:

Fábio Silveira disse...

Aí, Gutuzo. Eu estive lá no Olímpico hoje. Postei texto e fotos no meu blog - www.gremistasemlondrina.blogspot.com

valeu
Fábio Silveira

Guaita disse...

Sobre o Palmeiras, vou esperar mais um pouco. A "vantagem" do time é que manteve a base do ano passado. Mas, ao mesmo tempo, isso se torna um fator ruim, pois vimos o resultado de 2010. Tudo somado pesa no lado psicológico da equipe e só acredito em uma recuperação por causa do Felipão.